Radius: Off
Radius:
km Set radius for geolocation
Pesquisar

10 dicas de como apoiar o comércio local em tempo de pandemia

10 dicas de como apoiar o comércio local em tempo de pandemia

Como o governo tomou medidas para reduzir a curva de crescimento da disseminação do coronavírus, algumas empresas tiveram que suspender suas atividades por tempo indeterminado. O impacto da pandemia afetou diretamente a economia, especialmente os proprietários de pequenos negócios. Confira a seguir algumas dicas que irão te ajudar a apoiar os comércios e empreendedores locais.

De acordo com as diretrizes da Organização Mundial da Saúde, o isolamento da sociedade é essencial para eliminar a pandemia causada pela Covid-19. Assim como o uso de máscaras com o maior cuidado para que não ocorra a contaminação através do ar ou do contato com outras pessoas e o uso de álcool em gel para garantir a esterilização de equipamentos e de suas próprias mãos após um possível contato com uma superfície contaminada.

Poucas semanas depois, o Brasil começou a tomar medidas mais fortes para reduzir a transmissão no país. Uma das medidas é autorizar apenas as atividades básicas que devem continuar funcionando, como supermercados e farmácias.
Devido a restrições em certos setores, alguns são mais gravemente afetados do que outros.

As áreas de alimentação, turismo, beleza e esportes têm que restringir suas atividades e, por imporem as restrições necessárias à sua atividade, se tem causado grandes prejuízos a essas empresas.

10 dicas de como apoiar o comércio local em tempo de pandemiaO maior impacto sobre as pequenas empresas e microempresários é que eles não têm capital de giro para continuar seus negócios futuros.

Embora grandes empresas com múltiplas redes possam se estabelecer em todo o Brasil após a crise, para as pequenas empresas locais, a crise pode significar o fim definitivo de suas atividades.

A boa notícia é que você pode ajudar as empresas locais a manterem suas atividades como consumidores e cidadãos.
O apoio ao comércio local e aos pequenos empresários significa fluxo de fundos e manutenção de empregos. Em tempos de crise, é extremamente importante apoiar o comércio local em caso de perdas.

Pensando em ajudar o comércio local, montamos 10 dicas que você pode seguir para ajudar o seu comércio local a reagir neste momento de crise.

Confira o TOP 10 a seguir:

10 dicas de como apoiar o comércio local em tempo de pandemia1. Compre de preferência na sua localidade

Durante a crise econômica, as pequenas empresas foram as mais afetadas por falta de recursos e investidores para continuar suas atividades. Durante a crise causada pelo coronavírus, a prioridade deve ser dada às compras em cadeias de supermercados e lojas próximas. Desta forma, você pode apoiar as empresas locais a manter suas atividades e empregos que podem sustentar as famílias locais.

2. Peça sempre que puder e quiser DELIVERY

O mundo da gastronomia é afetado por medidas para reduzir a disseminação do Covid-19. Vários restaurantes foram temporariamente fechados e tiveram as portas fechadas para receber clientes, mas eles continuaram a fazer a comida e entregá-la por meio de delivery. Apoie restaurantes locais com pedidos de entrega em sua cidade.

3. Faça suas compras ONLINE

Embora os serviços não essenciais estejam temporariamente encerrados, eles ainda podem ser adquiridos pela Internet. Compre e encomende online através do site de uma empresa que pode enviar por correio. Além de facilitar as compras online, agora é uma forma mais segura de adquirir produtos.

4. Faça provas sociais e avaliações nas empresas que você apoia

Use as redes sociais para compartilhar páginas de empresas locais e microempresários. Divulgar as empresas com as quais você já teve boa experiência é importante para que elas atraiam mais consumidores. Siga a empresa em sua rede social e aproveite suas postagens para ajudá-la a se manter ativa.

5. Faça suas avaliações de recomendações

Embora alguns consumidores estejam acostumados a deixar comentários nas páginas da empresa ou no Google, a maioria dos consumidores só escreve comentários quando a experiência não é boa. Uma boa maneira de apoiar o comércio local é classificar positivamente as empresas que você aprova para que outras pessoas possam confiar em seus serviços e / ou produtos.

6. Sabe aquelas taxas e mensalidades que você estava pagando antes da pandemia? Se possível, continue pagando!

Por exemplo, as restrições às atividades permitidas durante o período de quarentena do país tiveram um impacto negativo nas salas de aula presenciais.
As atividades continuam suspensas e o prazo ainda não foi determinado, o que levou alguns clientes a solicitarem o cancelamento do registro.

Se você não perdeu o emprego e reduziu drasticamente seu salário, recomendamos que mantenha sua taxa de matrícula e continue pagando suas mensalidades. No futuro, a empresa pode se beneficiar de descontos, cursos adicionais, etc. Mais importante ainda, eles obterão suporte durante a perda de renda.

7. Se puder, dê gorjetas

Por exemplo, no ato da entrega, além do dinheiro extra apurado no site ou aplicativo, também pode ser fornecida uma gorjeta. Durante esse período de isolamento, os trabalhadores autônomos também foram afetados negativamente.
Se possível, dê mais dicas para que esses profissionais possam dar continuidade às atividades e sustentar a vida familiar.

8. Compre voucher e ingressos para usar no futuro

O voucher é um recibo que prova que você pagou pelos serviços que serão prestados no futuro de forma adicional.
Em uma crise, sua instituição não pode realizar muitas atividades, mas você pode sugerir a compra de vouchers em uma loja local e presentes para seus entes queridos. Portanto, quando na fase de isolamento social, a pessoa poderá usufruir de serviços remunerados.

9. Não peça reembolso

Quando o serviço ou produto não atender às condições de compra, o cliente pode solicitar o reembolso.
Durante uma crise, os consumidores podem reivindicar compensação por atividades de que não podem desfrutar devido à pandemia.

No entanto, o reembolso pode significar uma redução séria nos rendimentos da empresa local, o que pode levar a uma redução do saldo ou mesmo à falência.

Se possível, se sua situação financeira não for boa, entre em contato com a empresa e chegue a um acordo para aproveitar os pagamentos futuros ao invés de devolver o dinheiro.

10. Promova o seu comércio local

Por último, mas não menos importante, converse com sua família e amigos sobre a importância de apoiar as empresas locais e pequenas empresas durante a crise econômica. Reconhecer o que significa ser cidadão e a importância da nossa comunidade pode ter impacto na economia e na manutenção do trabalho.